Pular para o conteúdo principal

Reverendo João de Almeida

Foto da galeria de pastores da Igreja Presbiteriana Central de Itapeva - Registro  do pastorado na Região de Itapeva-SP

Pastor Presbiteriano jubilado em março de 1960, o Reverendo João de Almeida veio de uma lar cristão e nasceu no município de Porto Feliz, SP no dia 23 de abril de 1918, no bairro de Cruz das Almas. Filho do casal João Pedro de Almeida e Leonora Bernini de Almeida ...


João de Almeida e a esposa, Clélia
João de Almeida foi batizado na Igreja Cristã Presbiteriana de Cruz das Almas pelo Rev. James Porter Shimith. Casou-se com D. Clélia Augusta Temple de Almeida em 9 de julho de 1949 na Igreja Presbiteriana de Rio Claro-SP. 
Conclui o curso primário em Tietê-SP, onde residiu com sua avó materna, Elisa Pereira de Camargo e o Curso Colegial na cidade de Jandira-SP, no Instituto de Ensino “José Manuel da Conceição”.

Sua Pública Profissão de Fé aconteceu em 6 de janeiro de 1941, em sua igreja-mãe, com o  Reverendo Pedro Albero Rodrigues. Concluiu o Curso Superior Teológico na Faculdade de Teologia da Igreja Cristã Presbiteriana do Brasil (na época a IPB assim era denominada) na cidade de Campinas (Seminário Presbiteriano do Sul). Formou-se também em Orientação Educacional pela Escola Universitária de São Paulo.


Registro: o segundo da esquerda em pé, João de Almeida e seus irmão com os pais, João Pedro de Almeida e Leonora Bernini (fonte: familiabernini.blogspot.com )

Pastorado
Foi licenciado em Porto Feliz, durante uma reunião no Presbitério de Itapetininga no ano de 1949, quando ficou encarregado de pastorear  as igrejas de Itapetininga, Torre de Pedra e Guareí (SP).
Prestou amplo serviço ao presbitério, tendo exercido diversos cargos, como os de vice-presidente do Presbitério, 1º e 2º secretário, secretário Executivo, além de ter sido   secretário Geral da Mocidade. Foi também representante do Presbitério por várias vezes junto ao Sínodo e em Recife (PE) no ano de 1978. Cuidou também das congregações de Buri (SP) e Morro Alto, além de pastorear igrejas em Apiaí (SP).
Imagem registra o Reverendo em momento com mocidade da Igreja Presbiteriana de Itapeva (Fonte: Facebook M.MORAES)
Na região de Itapeva-SP
Fez parte da história de outras igrejas do atual Presbitério de Itapeva, na época, Presbitério de Itapetininga, pastoreando as igrejas de Nova Campina, (na época Campina dos Veados), Barreiro e Conchas, além da Igreja Presbiteriana Central de Itapeva, a qual temos um capítulo a parte..
Igreja Presbiteriana Central de Itapeva.

Em 24 de maio de 1992, na Igreja Presbiteriana Central de Itapeva recebeu o título de Pastor Emérito. Foi pastor efetivo da mesma durante 20 anos. De janeiro de 1963 a julho de 1983.
Com pastor, serviu ao Senhor sendo benção aos irmãos de seu tempo e dando testemunho do Evangelho do Senhor Jesus. Sempre anunciando, visitando, celebrando e vivendo o evangelho na prática. No ano de 1965, recebeu o Título de Cidadão Honorário Itapevense.
Faleceu aos 87 anos, em 23 de maio de 2005, na cidade de São Vicente-SP.

Clélia Augusta Temple de Almeida
Nos tempos de Itapeva, com a esposa
De acordo com o livro “OS MEUS DIAS”, escrito pelo Reverendo Lázaro Lopes de Arruda, Dona Clélia, que exercia o ofício de professora, trabalhou intensamente e, conforme registra: “D. Clélia viveu como professora, e como professora se aposentou. Exerceu o magistério com aquele sabor de pioneirismo. Rasgou lugares difíceis:Torre de Pedra,Capão Bonito e na região de Itapeva” (Trecho do Livro “Os meus Dias”. Reverendo Lázaro Lopes de Arruda. 1997, p. 153.
Viagens – Ainda sobre D. Clélia, registrou o Reverendo Lázaro: “Ela soube o que era viajar de charrete e até a cavalo.Na sua ausência, penava o Rev. Joãozinho, em Itapetininga, em sua casa vazia, acalmando os filhos irrequietos e padecendo a saudade da esposa.




Seguindo os passos do avô, o Reverendo Bryan Temple, que saiu do seminário em 2014.é pastor presbiteriano na região de Boituva.

Bryan Temple de Almeida Gomes, bisneto do Rev. João de Almeida




Postagens mais visitadas deste blog

Nova Campina, Itapeva e Bom Sucesso de Itararé numa rápida passagem

Numa passagem rápida entre algumas áreas entre as extremidades dos municípios de Nova Campina, Itapeva e Bom Sucesso de Itararé, já dá para ter uma ideia do potencial da região. As fotos desta postagem são do dia 04 de outubro. Um roteiro que contemplou uma pequena cachoeira em Nova Campina, nas proximidades do bairro Fracarolli, depois, as belezas inconfundíveis das águas, matas e rochas do cânion Pirituba, em Itapeva. Passando por dentro do município de Bom Sucesso de Itararé, a continuação do belo relevo, cheio com as serras e os pontos de destaque entre os paredões de arenitos que cercam a região.

Bike nos mirantes de Nova Campina

Compartilho com os leitores mais um passeio. Dessa vez,uma pedalada realizada em Nova Campina.Mais precisamente no Mirante da Borda , em Nova Campina.

Me acompanhou desta vez, Juliano Albuquerque, grande desbravador da região e amante da bike. Juliano, meu xará, tem muito conhecimento sobre os pontos mais belos da região. Tem explorado Nova Campina e há tempos estávamos pensando e fazer esse tour. Percorremos mais de 80 Km.

Eleitos pela região recebem diplomas da justiça eleitoral

Cerimônia aconteceu no plenário da Câmara Municipal de Itapeva e reuniu eleitos da 53ª Zona eleitoral;ao todo 76 eleitos

Dirigida pelo Juiz eleitoral Dr. Matheus Barbosa Pandino, a cerimônia de diplomação dos eleitos nas eleições municipais aconteceu na manhã da última quinta, (15). Além dos diplomados e da equipe da justiça eleitoral da 53ª Zona eleitoral, demais autoridades, familiares e amigos dos eleitos compareceram para prestigiar a cerimônia.

Nova Campina. Jucemara Fortes (Josi do Eliel), Antônio Cavalheiro, Juliano Camargo, Aparecido Almeida, Cleuza Cavalheiro, Joaquim Antônio, Paulo Ortiz, Nelson Pires, Sidnei Rodrigues, Gisele Fontanini e Célio Andrade, eleitos em outubro, receberam o Diploma das mãos do Juiz Dr. Matheus Pandino.

VEJA TAMBÉM: Eleições em Nova Campina: Josi do Eliel é eleita prefetia