14 outubro 2014

No Barreiro, o Ribeirão, as águas límpidas, a caverna, a piscina e o mirante Borda



Lugares fantásticos com possibilidades fantásticas, em Nova Campina
Na tarde de ontem, 10 de outubro, após o trabalho, Galdino e eu planejamos uma trilha na região de algumas áreas de empresas locais, bem próximas ao Barreiro.
Nosso trajeto teve início nas proximidades da fazenda Borda, de propriedade particular. Partimos descendo de carro pelas estradas da fazenda até chegar num ponto mais próximo ao acesso ao vale.

Minha primeira vez nesta localidade, Galdino me apresentou o roteiro: trilha sobre um ribeirão com águas geladas e límpidas. Uma maravilha!Em seguida passaríamos por diversos pontos (com várias piscininhas naturais) – ótimas opções para uma refrescada- até chegarmos, depois de uns 40 minutos de caminhada, num ponto onde as águas passam debaixo das rochas encavaladas entre si.

Uma verdadeira caverna formada logo ali, pertinho do ribeirão.
Entramos e exploramos o local. Não estávamos tão preparados e usamos apenas uma lanterna, levada pelo Galdino. Um ponto interessante e ótimo para exploração.
Uma galeria de uns 100 a 150 metros lineares, numa profundidade de uns 4 a 6 metros.


Ao que tudo indica, nesta localidade, ao sudoeste de Nova Campina, uma região cárstica. Locais onde há rochas carbonáticas; uma espécie de cavidade onde a água some (sumidouros) e surge depois de um trajeto ( chamado ressurgência ) .

Um trabalho científico que achei aqui na internet, da USP, traz esse assunto. É um mapeamento e caracterização de feições Cársticas de superfície nas regiões de Nova Campina e Bom Sucesso de Itararé.

Para ver o trabalho, acesse: http://ppegeo.igc.usp.br/pdf/rig/v27-28n1-2/v27n1a01.pdf
Após caminharmos bem devagar e conversando bastante, chegamos a ponto final da primeira etapa: a piscina natural. Hum! Que lugar gostoso!Calmo, silencioso e tranquilo. Meio gelado até.
Chegamos numa hora não tão apropriada, às 16, quase. De acordo com o Galdino, um horário bem apropriado seria entre as 11 e 13 horas.
Quase que entramos na água, mas já estava meio frio por lá!Deixamos para outra ocasião. Após uma contemplação, um descanso, chega hora de subirmos.

Segunda etapa do roteiro: saindo do vale e subindo rumo ao mirante

Para fechar o roteiro, nada como ver final da tarde lá do alto, no “Mirante Borda” (Batismo nosso).Os famosos paredões de arenitos que tanto falamos.
Uma possibilidade incrível para quem conhece a região, ver diversos lugares ao mesmo tempo. A porção leste e oeste das áreas do Município de Nova Campina. Ver o mar de morros, os vales, as escarpas, os morros testemunhos, as áreas com ação antrópicas, pequenas propriedades rurais, áreas de reflorestamento etc.

Foi assim que terminamos mais uma aventura local. Cansados no físico, mas com a mente aliviada e bem leve. Até a próxima e, espero que tenham curtindo esta postagem!


VEJA AS DEMAIS FOTOS:











































Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POST

POST