Pular para o conteúdo principal

Cavalos nas ruas de Nova Campina



Foto postada em rede social. 


  
A reivindicação sobre o problema apontado por vários moradores com relação aos cavalos nas ruas de Nova Campina vai ser atendida.

Quem reivindica ações em torno deste assunto tem razão e está certo.

Creio ser interessante que seja divulgado o pedido para o entendimento daqueles que criam cavalos na zona urbana para que tomem uma atitude e após isso, fazer o que as leis municipais existentes envolvendo a questão de animais no município.


Acho que deve ser feito um levantamento do número de animais que estão constantemente soltos nas ruas, identificar os donos, conversar sobre a questão, ver qual o motivo dos animais soltos e posteriormente achar uma solução.

A atitude a ser tomada após esta  conversa  dependerá da situação.

Uma coisa é certa: Animais soltos nas ruas da zona urbana. Isso não está certo.

Pedimos compreensão dos moradores com relação a este fato.

Por Juliano Camargo 

Comentários

  1. MORADOR DE NOVA CAMPINA3 de março de 2013 11:12

    É brincadeira isso juliano até quando isso vai continuar.autoridades por favor façam algo ... quando acontecer um acidente aí sim resolverão A praça da cidade a noite está parecendo haras

    ResponderExcluir
  2. Juliano, meu cachorro pegou a doença do carrapato comprovado por exame de sangue e td. esta em tratamento mas mto fraco e o custo e alto. meu cachoro pegou um carrapato qndo passeava comigo pela lagoa municipal, la esta cheio de cavalos, e moradores da redondeza estao reclamando q suas residencia estao infectadas de carrapato. ate qndo teremos que suportar isso? acho q nova campina é uma cidade e ñ a zona rural onde estamos acostumado c cavalos aos montes pelas ruas.

    ResponderExcluir
  3. Não dá para acreditar que está acontecendo isso em Nova Campina. Reclamações não são poucas. E agora perguntamoS, O QUE VAI SER FEITO? NADA? Precisa ter um requerimento por escrito? Pelas barbas do profeta.... não dá para acreditar. Vamos senhores façam algo!!!!

    ResponderExcluir
  4. Juliano aqui no campinho do C.D.H.U esta enfestado de carrapatos e pior tiraram os cavalos e colocaram cadeados nos portões, eu acho que não é justo pq as crianças estão brincando na rua e não mais no campinho como eles brincavam antes.

    ResponderExcluir
  5. juliano, por favor venha e veja a rua olimpio ruivo que encontra com a rua do campo , cheia de terra , suja, agua parada dos dois lados estou tendo problemas com o encanamento que sai da minha casa ,a terra parada e volta no cano, venha e veja a sujeira que esta ,por favor venha e fotografe e denuncie porque aqui nesta rua ninguem da prefeitura veio ver, vc ja viu o acesso da creche como esta, dia de chuva é um caos .muito abrigada desde ja.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar, no entanto, sem ofender. Seja cívico.

Postagens mais visitadas deste blog

Na Caverna Casa de Pedra, o maior pórtico de caverna do Mundo

Patrimônio Natural da Humanidade, Vale do Ribeira se destaca com suas belas paisagens Juliano Camargo
Nossa ida ao Município de Iporanga-SP foi motivada pela trilha que dá acesso ao pórtico da caverna Casa de Pedra: a maior boca de caverna do mundo.Apenas isso! (risos).Fomos no dia 06 de Dezembro, Sábado e retornamos no Domingo,7.

Arqueologia de Nova Campina e Itapeva será destaque em série da UNIVESP TV

O arqueólogo e professor Sílvio Araújo, professor Juliano Camargo e a arqueóloga Luana Antoneto, que deram suporte à produção do programa na Região

Por meio de um convite, acompanhamos durante todo o sábado, 20, seguindo desde a manhã até o início da noite, os produtores da UNIVESP TV / TV Cultura juntamente com os arqueólogos Sílvio Araújo e Luana Antoneto, em visitas aos Abrigo Itapeva e Abrigo de Nova Campina; Dois entre os demais sítios rupestres localizados na Região. 


No Mirante Bonsai com o pessoal do Projeto English Summer Camp

Na tarde de hoje (07), acompanhei os alunos do "PROJETO ENGLISH SUMMER CAMP", numa trilha pelo Mirante da Torre, em Nova Campina.

VEJA NOSSO VÍDEO

Liderado pela professora Ivanete Landin e apoiado pela prefeitura Municipal e também pelas escolas Simpliciano Campolim de Almeida e Ary Antunes de Moura, o projeto é um trabalho em que há uma grande participação do Grêmio Revolucionários.