19 abril 2011

Guilherme Mussi troca o PV pelo PSD . E agora?

Mussi, agora no PSD.

O deputado federal Guilherme Mussi, trocou de partido. Saiu do PV e participou como um dos fundadores do "Partido dos Milionários", o PSD de Kassab. A notícia foi publicada ontem pelo jornal "O Estado de São Paulo".

Para a imprensa Mussi disse que manterá seus programas sobre desenvolvimento sustentável, apesar da concentração de ruralistas no PSD - com destaque para Kátia Abreu, presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).O ex-pevista promete adotar, no entanto, uma postura mais moderada. “Os únicos verdes de verdade que estão no PV são o Alfredo Sirkis e a Marina Silva. O resto é papo furado. Existe uma forma de trabalhar com o desenvolvimento sem agredir meio ambiente, mas não uma forma xiita como as pessoas esperam de filiados do PV”, dispara.

O motivo que levou o deputado com domícilo eleitoral em Capão Bonito a deixar o PV e embarcar na construção de uma nova legenda, pode ser insatisfação com a antiga legenda, ou até mesmo ambição política.


O PSD nasce com a cara de Kassab, que não vai bem nas pesquisas de avaliação de governo na capital paulista, onde comanda a Prefeitura da cidade. Resta saber, como Mussi vai manobrar os interesses pessoais de políticos com posições tão adversas.
 
 
Outra fonte: Jornal A Gazeta Notícias
 
GUILHERME MUSSI SAI DO PV E AGORA É PSD


Debutando na Câmara Federal nesta segunda-feira, 18, o Deputado Federal, representante da nossa região, Guilherme Mussi (PV), anunciou que está saindo da sigla e partindo para outro partido (PSD), recém criado pelo atual prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Em sua oratória, Mussi disse que escolheu o Partido Verde cuja opção o agradou sobremaneira, onde foi muito bem recebido por alguns membros do diretório estadual, sendo respeitado por muitos deles.

Atos Ditatoriais - O que o surpreendeu foram certos atos ditatoriais e mesquinhos que não combinam com a proposta que o PV oferece à sociedade e para sua surpresa de muitos envolvidos naquele processo eleitoral a senadora Marina Silva ingressou no partido onde disputou a Presidencia da República dando uma enorme propulsão, tanto no lado político quanto pessoal, por tratar-se de uma pessoa altamente respeitada que muito colaborou com as candidaturas dos deputados da sigla.

Lamentávelmente, hoje, parte do PV excomunga Marina, não lhe dando o devido valor ,retrocedendo em seus princípios com grupos internos que inviabilizam sua existencia programática.

Citando vários nomes de peso do partido, Mussi foi enfático ao dizer que não se deve abater por grupos de conveniências. Foi surpreendido pela indicação para montar diretórios nos municípios do estado de São Paulo, onde o deputado teve expressiva votação por outros cidadãos que nada tinham a ver com a legenda, num atentado e falta de respeito e seriedade que um partido deve ter, a qualquer custo, como princípio.

Mussi afirmou que jamais esquecerá seus compromissos com a região que representa. Está deixando o PV mas jamais esquecerá dos companheiros da futura ex-bancada e sempre terá orgulho em dizer que foi eleito pelo PV e jamais irá se acovardar ante pessoas que não merecem sua confiança.

Mussi ainda disse que está seguindo um novo rumo junto a amigos de várias procedência,s compondo numa nova legenda, o PSD.

Ainda compleotu dizendo que confia plenamente no prefeito Kassab, que dispensa apresentação, na figura do vice governador Guilherme Afif Domingos e que o novo partido será uma nova luz no universo político do Brasil. Ao final de sua fala, o deputado Mussi agradeceu aos deputados e deputadas que tão bem o receberam na Câmara Federal e que procurará no mandato para o qual foi eleito, corresponder às espectativas da região e do Estado que confiam em sua atuação.