25 novembro 2010

Vereadora Ana Célia Bonfim (PSDB) recebe reclamação de mães de alunos

Vereadores, Neiza, Ana e Daniel, estão por dentro do caso.


Mães cobraram presença e intervenção de vereadores no caso

Na manhã desta quinta-feira (25), a vereadora Ana Célia Bonfim contatou o “Blog Juliano Camargo notícias” para que se publicasse na imprensa, uma reunião entre a vereadora e algumas mães, ocorrida na Câmara Municipal.


As mães, Regiane Cristina Ramos, Simone de Oliveira S. Pires e Valdirene cobraram a presença da vereadora na escola Humberto, no bairro Tijuca, para conversarem com a direção daquela escola, no sentido de resolverem questões envolvendo a escola, alguns alunos e as mães.

Após as solicitações, as vereadoras Ana Célia, Neiza e o vereador Daniel Veiga, que estavam na Câmara Municipal, seguiram até a escola para conversarem com a direção sobre o assunto.
Motivo
Segundo as mães, o motivo da presença dos vereadores na escola, seria para que a direção apresentasse alguns problemas ocorridos, envolvendo a direção da escola, alunos e as mães Simone, Regiane e Valdirene.

O objetivo foi de esclarecerem a situação vivenciada pelas envolvidas.
Segundo Simone, houve alguns problemas ocorridos no ambiente escolar, envolvendo seus filhos.

O que foi apresentado pelas mães, envolve pequenos problemas do cotidiano escolar.
Segundo a vereadora Ana Célia, o melhor caminho é o diálogo e também o ouvir ambas as partes.

Reunião na Educação
As mães também informaram ao “Juliano Camargo Blog notícias” que passaram o caso ao Departamento Municipal de Educação. Segundo Simone Oliveira, uma das mães, o Departamento Municipal de Educação as ouviu e prontificou-se a averiguar melhor a questão, dizendo que tudo será resolvido e esclarecido.

Os problemas apresentados pelas mães, que voltamos a repetir, envolvem questões do cotidiano escolar, serão resolvidos e esclarecidos entre as mães dos alunos e a autoridades competentes.

A Escola Municipal Humberto Morais Vasconcelos funciona em bom ritmo e este caso será resolvido.